Quão importante é o brincar na vida do seu filho?

Atualizado: 21 de jul. de 2020

O Conselho de Direitos Humanos das Nações Unidas reconheceu o direito a brincar para todas as crianças, o que só nos demonstra o quão importante é esta atividade no desenvolvimento normal das nossas crianças.

Mas antes de falarmos sobre a importância desta atividade, deveríamos procurar defini-la. De acordo com Gisela Wajskop, professora e autora do livro Brincar na pré-escola”, brincar é uma atividade humana na qual as crianças são introduzidas constituindo-se em um modo de assimilar e recriar a experiências sócio culturais dos adultos.

Apesar dos mais desfavorecidos terem recursos limitados, por vezes as crianças que vivem em famílias mais favorecidas economicamente, com uma grande abundância de recursos, não retiram total partido do brincar.


Quais serão então os benefícios que as nossas crianças devem retirar do brincar?

1. É importante no desenvolvimento do cérebro

Brincar permite à criança usar a sua criatividade, ao mesmo tempo que desenvolve a imaginação, a destreza e competências físicas, cognitivas e emocionais.


2. Favorece a interação e envolvimento com o mundo

Brincar permite que as crianças criem e explorem um mundo no qual elas próprias dominam, ultrapassando os seus medos enquanto desempenham papéis de adultos, por vezes em conjunto com outras crianças ou adultos.


3. Brincar é aprendizagem

Brincar ajuda as crianças a desenvolver novas competências que lhes vão permitir ganhar confiança e a força que vão precisar para enfrentar desafios ao longo da vida.


4. Favorece a interação social

Brincar permite à criança aprender a trabalhar em grupo, partilhar, negociar, resolver conflitos e aprender a defender-se.


5. Desenvolve o carácter e a personalidade

Quando as brincadeiras são guiadas pela própria criança, esta pratica as competências de tomada de decisão, move-se ao seu próprio ritmo, descobre as suas áreas de interesse e, acima de tudo, envolve-se plenamente nas paixões que deseja prosseguir.


Brincar aumenta o progresso do desenvolvimento inicial de 33 a 67%, melhorando os ajustes na linguagem e reduzindo os problemas sociais e emocionais. Os brinquedos desempenham um papel importante na estimulação precoce em crianças de risco, já que quando as crianças utilizam brinquedos nas suas brincadeiras, ajuda-as a compreender os benefícios e a importância de os utilizar e ensina-as a seguir regras, bem como a desenvolver o autocontrolo.

Para mais informações de como ajudar no desenvolvimento da sua criança, conheça os jogos da Edu&Kate’s!



Autora: Rute Melo

Licenciada em Terapia Ocupacional, Escola Superior de Saúde - P.Porto.

Pós-graduada em Integração Sensorial, Escola Superior de Saúde do Alcoitão

Tem uma paixão assumida pelo trabalho na área da pediatria, mais especificamente nas áreas de atraso de desenvolvimento e ensino especial.

O que a move é poder dar mais oportunidades de aprendizagem a crianças com dificuldades de desenvolvimento, trabalhando todos os dias em prol de apoiar os pais, tutores e colegas terapeutas.



#jogoseducativos #ensinoespecial #estimulaçãosensorial #jogoseducativosdeportugal #brinquedosparaterapia #jogosnee #dificuldadesdeaprendizagem #jogoinfantileducativo #aprendizagemescolar #brinquedosparadesenvolvimento #jogosparacriançasespeciais #motricidadefina #puzzlequebracabeça #jogosparaterapia #jogospréescolar #jogoseducativosportugal #materialterapêutico #brinquedosparaestimulaçãosensorial #brinquedosparaaprendizagemespecial #brinquedospréescolar #jogosdidáticosparalateralidade #brinquedoseducativos3anos #atividadesinfantis #brinquedodidáticoportugal #brinquedoscriançasespeciais #brinquedosmotricidadefina #jogoseducativosalfabetização #processodeaprendizagem #jogoseducativosparacrianças #autismoportugal #aquisiçãodecompetências